Mãe amarra filha de dois meses no corpo e se joga na Represa do Passaúna, em Araucária

represapassauna2

Uma mulher de 34 anos amarrou a filha de dois meses junto ao corpo e se jogou na Represa do Passaúna no início da tarde desta quarta-feira (23), no bairro São José, em Araucária. O marido dela foi quem entrou em contato com os bombeiros, depois de encontrar a manta do bebê nas margens dos rios.

 
O tenente Renato Costa Barbosa, dos bombeiros, contou que a cena no local foi tétrica, com mãe e filha mortas. “Realizamos as buscas e a mãe estava com o bebê de dois meses amarrada ao corpo. Encontramos o corpo dela e do bebê e nada pôde ser feito”, lamentou à Banda B.
 
“Ela disse ao marido que ia na casa de uma amiga que fica próxima ao rio. Ele ficou preocupado com a demora e encontrou a a manta da criança na represa. É uma moradora em Araucária e existe a hipótese de que seja um caso de depressão pós-parto”, completou o tenente.
Os corpos de mãe e filha foram recolhidos ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).
 
Fonte: Banda B