Aulas na Rede Municipal de Ensino também estão suspensas

Foto: Marcelo Andrade – Gazeta do Povo / arquivo

Seguindo a suspensão das aulas na Rede Estadual de Ensino decretada ontem (16) pelo Governador do Estado, Ratinho Júnior, a Prefeitura de Contenda anunciou no início da tarde desta terça-feira (17) a suspensão das aulas na Rede Municipal de Ensino. A partir de amanhã, 18/03/2020, as aulas estão suspensas nas escolas e CMEIS.

Assim como no Paraná, além das atividades letivas, o Decreto Municipal também proíbe todos os eventos com um público maior do que 50 pessoas. As medidas tem como objetivo reduzir as possibilidades de contato entre as pessoas para conter a propagação do corona vírus.

Anteriormente a Prefeitura Municipal de Contenda, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, também já havia informado a suspensão, por prazo indeterminado, das atividades coletivas semanais da Melhor Idade – Grupo de Bem com a Vida – e do Projeto Baixa Pressão, como forma preventiva de conter o avanço e reduzir impactos futuros.

Confira o comunicado divulgado pela Prefeitura:

Senhores(as) munícipes,

O Prefeito Municipal e a Secretaria Municipal de Saúde, com base no Decreto Estadual e por meio do Decreto nº 119/2020, instituíram medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus – COVID19.

Informamos as principais medidas a serem adotadas no município, por período indeterminado:

– Suspensão, a partir de 18/03/2020, das aulas na rede municipal de ensino (incluindo escolas e CMEIS);

– Suspensão de férias e licenças de servidores da saúde a partir de 23/03/2020;

– Atendimento remoto por servidores públicos com mais de 60 anos, portadores de doenças crônicas, com problemas respiratórios, gestantes e lactantes;

– Adiamento das consultas médicas e exames eletivos (sem urgência) a partir de 22/03/2020;

– Adiamento do transporte sanitário para fora do município, para casos eletivos/não urgentes, a partir de 22/03/2020, mantidos apenas o transporte de urgência e emergência, manutenção de tratamentos de alta complexidade, hemodiálise, gestação de alto risco, tratamentos quimioterápicos e outros à critério da Secretaria Municipal de Saúde;

– Suspensão da distribuição de medicamentos nas farmácias das Unidades de Saúde para pessoas com mais de 60 anos em tratamento de doenças crônicas e mental, sendo autorizada a entrega domiciliar pelos Agentes Comunitários de Saúde;

– Proibição da realização de eventos de massa com público acima de 50 pessoas;

– Suspensão ou limitação das visitas aos pacientes internados no Hospital Municipal;

A Secretaria Municipal de Saúde poderá editar, ainda, outras normas que se mostrarem necessárias no decorrer do período.

Desde já, solicitamos:

– Se tiver sintomas, informe imediatamente na recepção da Unidade de Saúde – não ficar aguardando com os demais pacientes;

– Em caso de consulta agendada, compareça na Unidade no horário da sua consulta.