Funcionário que auxiliava no serviço de pintura de faixa morre atropelado na divisa entre Contenda e Lapa

 

Fotos: Marcio Pavlik / colaboração

Um funcionário de uma empresa que auxiliava no serviço de pintura de faixa na Rodovia do Xisto / BR 476 morreu de maneira trágica na tarde de ontem (09).

Carlos Alberto Silveira, de aproximadamente 40 anos, acabou sendo atropelado pelo próprio caminhão que operava o trabalho de pintura no local.

O acidente foi no km 181, bem no limite entre os municípios de Contenda e Lapa.

À Polícia Rodoviária Federal, o motorista do caminhão alegou não ter visto o colega atrás do veículo quando executava uma manobra em marcha à ré.

O corpo foi encaminhado ao IML de Curitiba.