Greve dos professores: aulas podem ser estendidas até janeiro

tv_15

Com a greve chegando ao 23° dia nesta quarta-feira (20), a Secretaria de Estado da Educação já trabalha com a possibilidade de ter vários calendários diferentes para as escolas estaduais do Paraná. De acordo com nota postada no site oficial do governo, a questão logística que mais afeta a recomposição é o transporte escolar, realizado em convênio entre estado e municípios, pois algumas prefeituras terão condições de oferecer o transporte aos sábados, enquanto outras não.

Na prática, isso significa que algumas escolas utilizarão os sábados para reposição, fechando o ano escolar ainda em 2015, ao passo que outras terão que avançar em 2016. “O calendário está atrelado ao transporte dos estudantes e será feito conforme a realidade de cada região”, disse a secretária de Estado da Educação, professora Ana Seres.

Cada regional apresenta uma realidade diferente, pois alguns sábados já estão comprometidos com formação continuada de professores ou outras atividades pedagógicas. A intenção é utilizar a semana que havia restado como recesso de julho após a primeira paralisação (de 29 dias), e os sábados disponíveis.

Os calendários só poderão ser desenhados com o fim da paralisação dos professores, quando se saberá o número de dias a serem repostos. A Secretaria da Educação também disse que convidará a APP-Sindicato para participar das definições.

Fonte: Banda B

Erro no Revolution Slider: Slider with alias Geral not found.
Maybe you mean: 'topoesquerda' or 'topodireita' or 'Contenda' or 'Região' or 'Policial' or 'Capa'