Obras de pavimentação seguem paradas no Loteamento São João

Obras de pavimentação no Loteamento São João, em Contenda, estão paralisadas já há vários meses. Desde o final do ano passado, moradores locais vêm reclamando constantemente dos transtornos causados pela paralisação dos trabalhos.

Inicialmente, as obras eram de responsabilidade da empresa Rodopena Pavimentações. No final do ano passado, segundo funcionários da Rodopena, a mesma paralisou os trabalhos por não ter recebido valores referentes às últimas etapas das obras. Oficialmente, porém, a empresa não respondeu à contato feito pelo Jornal MARCA. Já a informação da Prefeitura é de que a Rodopena executou apenas parte do serviço e abandonou a obra, incorrendo em atraso e paralisação dos serviços. Diante deste impasse, a informação é de que o contrato entre a Prefeitura e a Rodopena foi rescindido, de forma que outra empresa pudesse assumir as pavimentações – na maior extensão, falta apenas a camada asfáltica.

A Prefeitura Municipal anunciou no último dia 1.º de Junho, através do Facebook, que as obras serão reiniciadas e finalizadas pela empresa Giralda Construtora de Obras Ltda. Cerca de um mês e meio após o anúncio, porém, nenhuma máquina ou movimentação que indicasse o reinício das obras foram vistas no bairro.

 

O valor total para pavimentação das Ruas Leonor Pacheco dos Anjos, Juvêncio de Camargo e Souza, Alice Carvalho da Rocha Pinto e José Ferreira da Silva, que são as ruas contempladas (algumas das quais já foram pavimentadas), segundo a Prefeitura, é de R$ 2.488.476,71 (dois milhões, quatrocentos e oitenta e oito mil, quatrocentos e setenta e seis reais e setenta e um centavos).

A princípio, a empresa Giralda foi a 3.ª colocada na licitação da obra, previamente vencida pela Rodopena, sendo que teria prazo até Novembro deste ano para conclusão dos pavimentos.

Notícia relacionada (Dezembro de 2019) >> Moradores reclamam de paralisação de obras no Loteamento São João