Um mês após arrombamento, Agência do Banco do Brasil de Contenda segue com atendimento afetado

Alexsandro Wojcik

Desde que foi arrombada no início do mês passado, a Agência do Banco do Brasil de Contenda teve seu atendimento ao público afetado. Bandidos entraram no Banco através de um buraco feito em uma parede dos fundos da Agência no dia 03 de Setembro, um domingo. Um cofre foi parcialmente violado e duas armas de fogo foram levadas pelos bandidos, que conseguiram desativar o sistema de monitoramento do Banco. Várias ferramentas usadas no arrombamento foram deixadas no local pelos autores, que não foram identificados.

O fato é que desde então o atendimento da Agência ao público ficou prejudicado. Um aviso postado na porta da mesma alerta os usuários de que a Agência está sem sistema, sendo que o público é orientado a procurar o serviço dos Correios para realizar saques, depósitos e pagamentos.

O problema é que, para piorar a situação, as Agências dos Correios, incluindo, logicamente, a Agência de Contenda, deixarão de ser correspondentes bancários do Banco do Brasil a partir do próximo dia 11 de outubro. Algumas operações bancárias, como recebimento de faturas e depósitos, já estão limitadas a R$ 200,00.

O Correio informa que a medida será tomada em virtude do aumento de decisões judiciais que obrigam a empresa a adotar medidas de segurança para continuar operando como correspondente bancário, entre elas a instalação de porta giratória e contratação de vigilantes. Com esta determinação, os custos tornariam inviável a manutenção do serviço.

Como a situação no Banco do Brasil já se arrasta por um mês, funcionários da Agência de Contenda foram deslocados para outras Agências. O pagamento dos funcionários públicos da Prefeitura Municipal, inclusive, foi recentemente migrado do Banco do Brasil para a Caixa Econômica Federal. Com isso, surgiram até mesmo rumores de que a Agência poderia ser fechada. Em contato com a Superintendência da Instituição Bancária feito ainda na semana passada, porém, a mesma afastou tal rumor e informou apenas que obras de restabelecimento do sistema devem começar nos próximos dias, sem, no entanto, estimar um prazo para a normalização do atendimento.