Prefeitura ainda não respondeu Câmara sobre dinheiro arrecadado pelo cemitério municipal

 Foto/texto: Alexsandro Wojcik

Após reivindicações populares, os Vereadores de Contenda encaminharam à Prefeitura um Requerimento pedindo informações sobre os valores arrecadados pelo município com as taxas e vendas de lotes do cemitério municipal central. O documento pedia o valor total arrecadado no ano passado até a presente data e onde os recursos foram ou estão sendo utilizados. O Requerimento foi apresentando na Câmara no dia 21 de Agosto e protocolado na Prefeitura no dia 23. A partir de então, conforme determina a Lei Orgânica Municipal, a Prefeitura tinha 15 dias úteis para responder ao documento. O prazo, portanto, já venceu e uma resposta ainda não foi dada.

O Requerimento foi feito pelos Vereadores após populares reclamarem das taxas que são cobradas anualmente pelos túmulos do Cemitério, que abriga cerca de 1600 túmulos no total. Cada túmulo seria taxado, anualmente, em cerca de R$ 100,00, embora faixas postadas nas imediações do cemitério indiquem que a maioria dos proprietários de túmulos, porém, estejam inadimplentes com as mesmas. As faixas alertam que as taxas são anuais e pedem para os responsáveis por túmulos que estejam em débito com o município regularizem a situação.

Além do Requerimento, os Vereadores também enviaram à Prefeitura uma Indicação pedindo melhorias no Cemitério e na Capela Mortuária, pois os usuários em geral também reclamam das más condições de conservação dos locais e da falta de utensílios domésticos básicos necessários durante os velórios, por exemplo.