Para fugir de assaltantes, motociclista acelera, mas atinge muro em cheio e morre na hora

13124596_1723069954574937_4756238383000209713_n

Um motociclista de 24 anos morreu na hora na manhã desta segunda-feira (2) ao colidir contra o muro de um comércio no bairro Costeira, em Araucária. Rodrigo de Freitas Souza estava fugindo de assaltantes e se perdeu, quando o carro dos bandidos o fechou às margens da rua. Embora estivesse de capacete, Souza morreu na hora.

A colisão aconteceu na rua Manoel Ribas esquina com a Lucas Wilczak. Souza estava com uma motocicleta Yamaha YBR e a perseguição foi vista por um motorista de ônibus. “Não se tem informação concreta, mas a princípio o que dá para entender é que ele se perdeu e colidiu contra o muro. A mãe disse que ele saiu de moto um pouco atrasado porque a moto não queria pegar. Ele não tinha problema com ninguém, trabalhador, pai de família”, disse Emanoel Silvério, que é amigo da família e auxiliava nos trâmites do acidente.

A versão das testemunhas que viram o acidente é que ele tentava fugir de um assalto. “É isso mesmo, a moto era a única coisa que ele tinha, trabalhava o dia inteiro. Um motorista de ônibus viu um Corsa Classic, com as placas cobertas, seguindo ele, perseguindo mesmo. Quando o motorista voltou para continuar o trajeto já viu o Rodrigo morto. Quando viu que ele não ia parar, o cara fechou para ele cair”, descreveu Fernando Santos à Banda B.

Há duas câmeras de segurança no local – em uma residência e outra da Guarda Municipal (GM). As causas serão investigadas e a Delegacia de Araucária investiga o caso.

Fonte: Banda B

Foto: Alexandre Paiva